sábado, 1 de julho de 2017

I Metal Under Massacre Fest - 17/06/2017

No último Sábado dia 17 de Junho de 2017 eu estive mais uma vez no novo Tábuas de Maré, e dessa vez para cobrir o I Metal Under Massacre Fest, que contou com as banda Armum de Goiás e Alchimist do Maranhão, além das grandes bandas locais Methademic e SISA!!!

Cheguei por volta das 19:20h no Tábuas de Maré e os últimos ajustes estavam sendo feitos, e as bandas passando o som.







Devido a ausência do público esperado a produção resolveu dar um time na esperança de que mais pessoas pudessem chegar e prestigiar o evento, porém isso aconteceu só que mesmo assim não foi a contento e não podendo mais esperar a produção resolveu dar início ao fest!





E a primeira atração da noite foi a banda de Grindcore/Crust paraense SISA!!!

Primeiro registro "completo" que faço dessa banda...




Cheguei a registrar com meu celular um pequeno trecho de uma apresentação dos caras no Attack Headbanger II em um raríssimo "Day Off" que tive no dia 05 de Março de 2016 e você pode conferir esse trecho de vídeo junto a outros trechos relativos as outras bandas que participaram desse evento no vídeo abaixo!!!


 
A banda foi formada em meados do ano de 2014 por remanescentes da banda Dercy Gonçalves, a qual encerrou suas atividades realizando sua ultima apresentação em uma das edições do Icoaraci Attack que ocorreu no Gato Verde Rock Bar em Junho de 2013. (Confira essa matéria clicando AQUI!!!).

A formação da SISA conta atualmente com Josenias Junior no Vocal, Izan Costa na Bateria, Denys Ferreira no Baixo e Betinho na Guitarra.

A banda explora em suas musicas com letras ácidas o lado mais podre da existência da humanidade, o vazio, a hipocrisia que permeia nosso mundo, a exploração religiosa, dentre outros.

No mesmo ano que a banda se formou, os caras lançaram um EP intitulado "Praticantes dos Bons Costumes" que conta com três faixas...














1 - Reino das Hienas.
2 - Velho.
3 - O Dia do Benefício é a Véspera da Ingratidão.

Recentemente, no corrente ano de 2017 a banda lançou um 5Way Split com as bandas Holodomor (AM), Surto (PA), Duo Bastard (PA) e Mente Podre (PE).

O play se chama "Rebanhofilia" e conta com OITO faixas da banda SISA...

1 - Salobro.
2 - Fogo.
3 - Dando Bom Dia a Cavalo.
4 - Desperdício.










5 - Espantalho.
6 - Erisipelas.
7 - Democracídio.
8 - Humildade Divulgada.

Tive aquele velho bate papo informal pelo Faceboock com o nobre Josenias Junior e abaixo segue um trechinho...

Marcelo Barros:
- Diz ai o que significa SISA?

Josenias Junior:
- SISA é nome de uma droga originária da Grécia, uma espécie de cocaína dos pobres. surgiu logo após o "colapso" econômico por lá há uns anos atrás... 




Ela é altamente destrutiva e não se sabe ao certo de que ela é feita, ela basicamente "surgiu" nas ruas com um preço bem mais acessível do que outros tipos de drogas, saca?






Então o nome da banda simboliza esse lado da fraqueza humana, essa necessidade da fuga da realidade quando ele se vê "vulnerável, impotente contra o sistema econômico/social em que ele está inserido.





Marcelo Barros:
- Quais os planos da banda em um futuro ressente?

Josenias Junior:
- Queremos gravar material novo ainda esse ano, talvez um split, ou um full mesmo.

Marcelo Barros:
- Quais as influências musicais da banda?


Josenias Junior:
- A gente se influência de tudo um pouco, saca? Tipo: Terrorizer, Napalm Death, Lock Up, Discharge, Anti-Cimex, Força Macabra, Discarga, Facada, Hutt, Ratos de Porão.
- Levamos um grindcore/crust, mas sem tentar nos prender tanto nesse rótulo

Muito PHODA a apresentação dos caras... 




Cheia de atitude e vitalidade e espero ansiosamente por outras oportunidades de registrar a banda SISA e assim poder falar com mais propriedade a respeito do trampo dos caras!!

Destaque para as musicas "Salobro" e "Reino das Hienas" (Vídeos).



Em seguida toma o palco do novo Tábuas de Maré uma das bandas que mais vem se destacando ultimamente na cena local e eu considero como "ícone" do Prog Metal paraense!!!... Methademic!!!


Pra quem não saca a banda Methademic o Blog Metal Pará está recheado de matérias de eventos os quais a banda participou e não vou ficar me repetindo sobre essa puta banda...





Até mesmo porque o blog acompanha a mesma desde seu surgimento no final do ano de 2014 e de lá pra cá fez inúmeras apresentações apesar de relativamente ter pouco tempo de estrada!!






Atualmente a formação da banda conta com Kleive Paiva no Vocal, Fause Pereira na Guitarra, William Pereira no Contrabaixo, Lucas Ansur nos Teclados e Celso Lavoisier na Bateria!









Print do vídeo do canal Vai Que Dá Rock















Show PHODAÇO da banda e ainda contou com a participação especial da linda Nande Gonzalez (Ex Alchemya, Ex Horús) cantando junto com Kleive Paiva a musica "River of Blood in My Hands"... Porém, a Nande cantou fazendo um gutural e ficou PHODA!!!
Print do vídeo do canal Vai Que Dá Rock




Se você quiser saber mais sobre a Methademic confira nossa matéria do showzaço que a banda realizou na abertura do show da banda Sonata Árctica clicando AQUI!!!...







Lá você encontrará também outros links de outras matérias relativas ao Methademic!!!
Destaque para musica "Time"(Vídeos).


Na sequencia chega a vez da banda do Maranhão subir ao palco do Tábuas de Maré e mostrar a que veio!!!... Alchimist!!!

Pra quem não saca a Alchimist é uma banda de Power Metal Progressivo, oriunda da cidade de São Luís do Maranhão, onde foi formada no ano de 2014 pelo Vocalista Cássio Marcos, o Guitarrista Daniel Azevedo e o Baixista João Vitor Lobo.

Depois e várias apresentações em São Luís ocorreram algumas mudanças nessa formação e no ano de 2016 a banda consegue uma formação estável que contemplou Ruan Cruz como Guitarrista eDã Carneiro como Baterista.




A Alchimist segue buscando experimentar uma sonoridade agressiva e técnica influenciados pelo Heavy Metal e suas vertentes com os cinco membros da banda juntam suas ideias e surgem as primeiras composições.





Neste mesmo ano de 2016 os caras realizam o lançamento do seu primeiro registro oficial e de forma independente lançam o EP intitulado "The Wisher".















O play contempla CINCO faixas e entre elas o single “Beyond Darkness”, o qual foi lançado no YouTube no dia 20 de Agosto de 2016.


De acordo com os caras "The Wisher" "é uma verdadeira e completa experiência da sonoridade adotada pela banda, misturando vários elementos que foram cruciais para o resultado final".













Bati aquele papo pelo Facebook com o nobre João Vitor Lobo que é Baixista da Alchimist e abaixo segue um trecho do mesmo!!!...



Na banda a gente desenrola tudo, eu faço a maior parte das letras, algumas melodias etc. Daniel fica mais com a parte de Riffs e parte instrumental da música.












A produção de todas as músicas fazemos juntos, ou seja, não existe um produtor, a produção é assinada pelo nome da banda "Alchimist".


Marcelo Barros:
- Me fala um pouco da Alchemist?
João Vitor:

- Na banda a gente desenrola tudo, eu faço a maior parte das letras, algumas melodias etc. Daniel fica mais com a parte de Riffs e parte instrumental da música.



- A produção de todas as músicas fazemos juntos, ou seja, não existe um produtor, a produção é assinada pelo nome da banda "Alchimist".






- Nas letras como diz o próprio nome da banda, tratamos de temas como Alquimia, ocultismo etc, porem, sempre puxando pra uma espécie de crítica, seja ela social ou crítica ao próprio comportamento humano (na maioria das vezes esse é o foco). Mas temos músicas de cunho histórico como por exemplo a "Narcissus" abertura do nosso EP "The Wisher'.

Marcelo Barros:
- Quais as influências da banda?
João Vitor:

- Cara em geral nossas influencias vem do Heavy Metal e  Rock das antigas, Black Sabbath, Judas Priest, Van Halen, Deep Purple...




- Porem também temos como profunda influência o progressivo e o power metal... Dream Theater, Rush, Symphony x e não mais importante temos influencias profundas nos brazucas também... Angra, Dr Sin e por ai vai hahaha.






- Nossa banda é de Heavy Metal, não gostamos tanto de rótulos, mas se formos ver vertentes, podemos nos intitular de Power metal Progressivo.

Marcelo Barros:
- E quanto a shows?... Qual o mais "importante" até agora?... Já abriram pra alguma "grande" banda?






João Vitor:
- Até agora o nosso show mais importante foi o de lançamento do EP " The Wisher" que inclusive gravamos um clipe ao vivo, nesse show extrapolamos a capacidade da casa e todos cantaram as músicas foi incrível!!








- Pra frente temos um festival em Barra do Corda - Ma e em Julho tocaremos no Manifesto Rock que contará com Vital Remains (EUA) e a nova turnê do Massacration.

- O nosso evento de lançamento foi tudo produzido por nós mesmos em 10/12/2016 e foi chamado de "Alchimist Ritual"




Marcelo Barros:
- E o show da banda aqui em Belém, o que a banda tem a dizer!!!... Seja sincero!!

João Vitor:
- Cara como foi nosso primeiro show fora, achamos do caralho!












- Rolou o que tinha que rolar, a experiencia de viajar foi muito boa etc... Não temos como cobrar muita coisa porque o metal é assim mesmo, a gente precisa conquistar com som!

- A primeira vez em uma cidade sempre é difícil, provavelmente nas próximas já teremos uma resposta melhor etc... Mas foi sensacional!

Marcelo Barros:
- E quanto ao Armum?... As bandas se conheceram aqui ou já rolou algo antes?
João Vitor:
- Nos conhecemos aí mesmo, gostamos dos caras! São pé-no-chão e tem muita experiencia pra compartilhar.
Quanto ao show dos caras??... Foi PHODÁSTICO!!!... A banda me surpreendeu bastante com sua performance e versatilidade...

O Vocal Cássio Marcos mandou muito bem e qaundo a banda executou Pain Killer do Judas Priest a galera presente delirou e eu fui junto... Hehehehe!!!






Espero que os caras voltem aqui em Manga city mais vezes e que eu tenho mais oportunidades de registra-los e de curtir o som dos caras que é PHODA!!!
Destaque para musica "Despair"(Vídeos).










Fechando a noite e o I Metal Under Massacre no novo Tábuas de Maré, toma de assalto o palco a banda de Brutal Death Metal de Goiás... Armum!!!





Pra quem não saca, a banda Armum foi formada no mês de Junho do ano de 2011 com a proposta de levar o verdadeiro Death Metal Old School.






A primeira formação da banda contou com Gesiel Coelho na Guitarra e Vocal, Camila Andrade no Baixo e Michael Douglas na bateria.

Com essa formação foram realizados os primeiro shows da banda Armum, que se apresentou em vários eventos e também em alguns festivais renomados como Marrecos Fest em Brasilia-DF, onde dividiu palco com grandes nomes do cenário nacional e internacional.











No ano seguinte, em 2012 a Armum lança seu primeiro Single e Vídeo Clipe oficial, intitulado de "Annihilation of Mankind".





Posteriormente a formação da banda acaba passando por mudanças até a gravação da primeira Demo "Infernal Domain, a qual foi gravada e lançada no mês de Novembro do ano de 2016 e na sequência os caras partem para uma tour pelo sul do Brasil.







Hoje a Armum conta com nova formação, sendo que em 2015 Gesiel Coelho assumiu a Bateria e em 2016 Camila Andrade assumiu os Vocais, fato que fortaleceu mais ainda a essência da banda chegando a dar uma nova característica para a mesma.






No início do ano de 2017, mais especificamente no mês de Janeiro, Guilherme Aguiar Leal ex Guitarrista da banda Spiritual Carnage se torna Guitar Man da Armum deixando a banda mais veloz e nervosa e assim seguem em turnê pelo Brasil em estados como Distrito Federal, Goiás, Tocantins, Minas Gerais e Pará.




Pelo chat do Facebook tive aquela conversinha marota com o nobre Gesiel Coelho, Batera da Armum... Confira abaixo um trecho dessa conversa!!!...








Marcelo Barros:
- Podes me falar um pouco sobre a Armum?
- Tipo uma pequena história da banda, quais as influencias, quais os temas abordados nas musicas da banda?, Quais os shows mais "importantes" até agora?




Gesiel Coelho:
- O show mais importante foi quando tocamos pela primeira vez com o krisiun e fomos a banda de abertura.
- Eles que são nossa principal influência , mais também temos influências de bandas com ,Vader, Nile , Morbid Angel, Cannibal Corpse Deicide Slayer e outras.





- Os temas abordados nas letras é morte guerra Hipocrisia Humana , Hipocrisia Religiosa, mais o principal tema é a morte todas as nossas letras levam a morte.





- Temos 6 anos de banda e já passamos por muitas coisas... Tipo a principal dificuldade foi fixar uma formação.
- Quando comecei a banda eu era guitarra e vocal depois por necessidade pra banda não Parar tive que virar baterista.





- Colocamos outro guitarra e vocal não deu muito certo... Então depois a Camila assumiu os vocais fixando mais a formação e dando uma  nova identidade pra banda com um vocal feminino... Uma nova característica.





- Superação total eu e a  Camila. Que levamos esse trabalho a sério e agora estamos com o Guilherme que é um guitarrista experiente e está dando uma força fodida pra banda.













- Agora o nosso foco é gravar um material de qualidade e pegar a estrada, turnês e agora pela primeira vez vamos tocar fora do país. Em setembro estamos com 3 datas na Argentina.

Marcelo Barros:
- E o show da banda aqui em Belém, o que a banda tem a dizer!!!... Seja sincero!!
Gesiel Coelho:
- Porra tocar fora é sempre bom.

- Tivemos um probleminha de som que comprometeu um pouco da nossa apresentação, mais foi uma experiência fodida estar pela primeira vez em Belém.







- Tudo é aprendizado cada show que agente faz agente  aprende mais.

- Foi uma honra e uma satisfação enorme , claro que a gente esperava mais desse show  como por exemplo mais público.





- Mais foi muito bom e onde agente passa sempre deixa mais um fã. Isso pra nós é muito gratificante, estar espalhando nosso  Death Metal e sempre fica aquela amizade com a galera.








- No dia seguinte fomos pra um churrasco.
- Fomos muito bem recebidos pela organização e por todos... Hail Belém!!!

Quanto a apresentação da banda no I Metal Under Massacre, posso dizer que foi "veloz e nervosa" como dito acima, com ênfase nas performances da bela Camila Andrade que executa muito bem sua dupla função e Vocal e Baixista da Armum!!!
Realmente um Power Trio de responsa e com grandes possibilidades de galgar um bom espaço no Death Metal nacional se a banda conseguir manter essa formação estável e com a vitalidade que pude observar no show aqui em Manga City!!!

Destaque para musica "Infernal Domain"(Vídeos).



E assim foi o I Metal Under Massacre Fest, realizado pela H.M.T. Produções no novo Tábuas de Maré!!!... Parabéns a todos os envolvidos nesse corre e que  o mesmo continue trazendo bandas nacionais e internacionais para Belém!!!





Assista aos vídeos abaixo, confira todas as fotos desse evento clicando no cartaz no topo desta postagem... COMPARTILHE a mesma em sua rede de amigos no Facebook e ajude a divulgar a sua cena!! 



Vídeo:









































































































































Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...